Fundado em 16 de abril de 1932

...Macaé, ano I, Nº 25 - 14 a 21 de julho de 2006
Novo mercado virtual. São mais de 800.000 produtos com os melhores preços da praça. Você compra e recebe em casa. Visite o site www.mercadoprodutos.com
Colunistas
Adriano Benayon
Almir da Silva Lima
Amanda Paiva
Ana Cristina Gama
Ana Lúcia Rabello
Andrei Bastos
Angela Maria
Antonio R. Nóbrega
Bruno Yuri
Cadidja Lima
Ceci Juruá
Ciro Campelo
Cris Passinato
Cristina Eringer
Cristina Vieira
Daniel Felipe Matos
David Hugo Peczenik
Denise Barreto
Denise Calixto
Fabiana Madruga
Fernando Cruz
Giulianna Medeiros
Helena Santos
Jeanne Dantas
João Martins
José Milbs
Juliana Nunes
Juliane Veríssimo
Langstain Almeida
Leilane Castro
Letízia Borges
Lidiane Sato
Lúcia Vaccari
Luciana Chagas
Lúcio Aguiar
Manoel Barbosa Filho
Marcel Silvano
Maria Cristina Lacerda
Mariana Gama Soares
Mariana Rotili
Mariane Marx
Marly Santiago
Milton Nunes Filho
Moctezuma Pinto
Monique Cruz
Pollyanna Gomes
Rafael Cabral
Reinaldo M. Brandão
Renata Celeste
Rodrigo Costa
Roque Weschenfelder
Rosana Campos
Rui Nogueira
Thadeu Rabelo
Thaís Velloso
Valéria C. Fernandes
Vanessa Gonçalves
Vera Lúcia Gama

O FUNDO DO QUINTAL DA MINHA CASA

KOISAS DA BICUDA

Lúcio Aguiar
05/07/2006

Foi quando parei embaixo da mangueira, aquele cheiro de flor, de mel. Muitas abelhas, marimbondos e milhares de pequeninos insetos voavam na imensidão das flores, numa sombra fresca, úmida e muito agradável. Dali pode-se avistar quinze montanhas diferentes e todas com nome! - João Manoel... Três Moças... Buraco da Onça... Bicudinha...

Uma cabiúna ainda jovem, mas com doze metros de altura, subia imponente muito próxima da caixa d'água de mais de doze anos, já bem fragilizada. Nota: ela nunca foi totalmente concluída. A cabiúna é uma árvore nativa abundante, porém muito fraca. Nela está amarrado o varal, um fio de aço enforcando um galho.

Atrás, um pezinho de urucum (colorau), uma banheira dessas de forma de ágate, muito antiga, virada de boca para baixo, um pé de quaresma que foi podado várias vezes por causa da parabólica, ficando com uma forma incrível. A quaresma floresce o ano todo.

Mais à frente, um toco de flamboyant de mini-folhas que foi cortada... Enchia toda a casa de mini-folhas...

Tem ainda goiabeiras, pitanga, ingá, acerola, limão, fragozo, aroeira, cinco folhas, lima, abacate, laranja, uma pequena floresta...

O varal.
Lençóis, toalhas. (da Pousada).
As crianças na escola...
Muita preocupação.
Lembrei da minha mãe.
Orei pelo Calé.

JOAQUIM (1987- 2006)

KOISAS DA BICUDA
Lúcio Aguiar
27/06/2006

Os últimos dias foram frios.
O frio aumentava bem mais à noite.
A noite era comprida, eterna...
A respiração ficava calma e por vezes agitada!
Eu perguntava: Por quê?
Pra que ser assim?!
Mas era e é.
Amanheceu sem luz.
Aqui é assim, falta luz todo dia, toda noite...
Esta manhã, senti uma calma dessas que vêm apesar de tudo, do todo!
E pude notar:
Joaquim morreu...
Um companheiro de dezenove anos.
Seria um jovem ainda, seria um garoto que me ajudou até na criação de meus quatro filhos.
Se não fosse o meu, o seu, o nosso Joaquim, como era chamado na comunidade... (cachorro de estimação da nossa família).

( Nota: 19 anos para um cachorro corresponde a mais ou menos 133 anos em idade humana. )


Veja outros artigos de Lúcio Aguiar
Acontecências
Acontecências II
Água
Amazônia
Bandido Negro
Cartas do Rebate
Cinema
Classificados
Construção civil
Contos
Cotidiano
Crônicas
Culinária
Cultura
Curiosidades
Direito do Consumidor
Direito do Trabalho
Educação
Educação artística
Empregos & Currículos
Entretenimento
Escaladas
Escultura em sabonete
Esportes
Estudante/Ensino
Festival de Coros
Fotografia
História do Theatro
Índios
Justiça
Liga Operária
Livros
Luta armada
Materialização
Meio ambiente
Movimento hippie
Mulheres da História
Música
Nossas ilhas
Nossos poetas
Opus Dei
Palavra de Filósofo
Pensamentos
Petrobrás/Petróleo
Piadas Brasil/Portugal
Poemas
Poesia
Posta-Restante
Procuras emprego?
Prova de amor
Rafting / Canoar
Recadinhos do Rebate
Reforma Agrária
Religião
Saúde
Sexualidade feminina
Telefones úteis
Umbanda
Voz do povo

Configuração mínima: 800x600. Recomendamos o Mozilla Firefox. Clique aqui para baixar a versão 1.5
Criação e manutenção Artimanha